Vamos falar da solidão da mulher negra. Peeeeera!!!Eu mesma não!

Vamos falar da solidão da mulher negra. Peeeeera!!!Eu mesma não!

Por Viviana Santiago para o Palavra de Preta

É o clássico da  discussão das mulheres s negra da atualidade: Discutir a solidão da mulher negra. Falar sobre como para nós mulheres negras é difícil encontrar sua cara metade, seu true love. Nas problematizações  surgem com certeza os conteúdos relacionados a como homens negros preferem mulheres brancas para elevar seu status, como homens brancos preferem as brancas e só querem as negras para foder…

Eu acredito que cada um desses argumentos é verdadeiro, mas eu fico me perguntando se esse é mesmo o centro da questão, se é isso mesmo o que traduz a minha vida de mulher negra.

Um problema que eu vejo nessa atual discussão, é que ela faz parecer que a vida das mulheres negras está sempre gravitando em torno dos homens, é um modelo de vida que se traduz numa narrativa de amor romântico que reitera a idéia de que cada pessoa no mundo é uma metade e que para ser inteira precisa juntar a outra metade da laranja…será que é isso mesmo produção?

Eu fico pensando que o centro da vida de mulheres negras, devem ser elas mesmas, somente quando somos capazes de aceitar quem somos e estarmos bem com nós mesmas, somos capazes de vivenciar uma relação saudável com quem quer que seja e a outra pessoa ocupa exatamente esse lugar: Da outra pessoa com quem decidimos partilhar alguma coisa e que partilha conosco essa decisao. E é só isso, e nada mais. Nao é a metade da laranja, nao é a outra metade de quem somos, não é algo que nos complementa. Precisamos sair dessa visão que reduz mulheres negras a essas pessoas: meias-pessoas que nao fazem outra coisa na vida a não ser esperar um homem que as complemente, isso nao soa familiar nao gente? É isso que a disney e os contos de fada ensinam e a gente se insurge o tempo Todo.

Sim, o racismo torna tudo pior, faz com que mulheres negras não sejam lidas socialmente como a pessoa a ser desejada. ok. isso é um fato, mas essa nao é a pergunta certa. A questão é : realmente se não houver uma pessoa “para te amar”, nesse modelo de relacionamento romântico- disney-conto-de-fada monogâmico e hétero, você realmente nao será feliz? realmente não será uma pessoa inteira?

Pensemos nisso….

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s