Mês: maio 2017

Não, eu não estou exagerando. É racismo

Não, eu não estou exagerando. É racismo

Conversava com uma pessoa branca sobre o desafio que é sair para comer fora. Comentava que desde a mesa que nos é oferecida, a impertinência do atendimento, a demora na chegada do pedido todo o tempo, muitas de nós pessoas negras temos que nos manter vigilantes: Atentas ao tratamento que receberemos, em alerta para estabelecermos a … Continuar lendo Não, eu não estou exagerando. É racismo

Anúncios
Mulheres negras e a felicidade no meio do caminho…

Mulheres negras e a felicidade no meio do caminho…

Sobre nós mulheres negras de todas as gerações termos umas as outras, e se isso por si só não determina o fim do racismo, nos possibilita as forças para enfrentá-lo e ativamente -a despeito das violências, silenciamentos- sobrevivermos e construir no meio do caminho o nosso bem viver..